A Mulher Maravilha foi criada no ano de 1940 por William Moulton Marston tendo sua primeira historia publicada em 1941. Seu criador acreditava que as mulheres tinham um nível de superioridade sobre os homens, o que era totalmente impressionante na época já que o sistema era desfavorável para as mulheres, o mesmo se inspirou em suas duas esposas (você leu direito, duas esposas!) para criar a personagem. Assim que a era dos quadrinhos começou, Moulton sentiu que algo estava faltando, queria criar um personagem que pregasse a paz e o amor em um lugar de guerra, então, uma de suas mulheres deu uma ideia de fazer esse personagem uma mulher.

 

Em suas primeiras historias, Diana Prince era uma estatua tão perfeita que sua mãe, Hipolita, pediu aos deuses que transformasse a figura em uma garota de verdade, e assim foi feito. Abençoada pelos deuses, Diana foi a amazona mais poderosa dentre as outras. Quando Steve Trevor cai na Ilha Paraíso, Diana participa de um torneio, escondido de sua mãe, para levar o espião de volta aos Estados Unidos. Assim, a Mulher Maravilha adota a identidade secreta de Diana Prince, começa a ver os horrores do mundo dos humanos decidindo acabar com o mal constante na sociedade.

Recentemente, Diana ganhou uma nova origem. Prince é filha de Zeus, criador da Ilha Paraíso e das amazonas. A história é bem explorada na serie de quadrinhos Novos 52, no qual Diana descobre sua verdadeira origem e arca com essas consequências.

Hipolita, sua mãe, e Antiope, sua tia, foram essenciais para a história de Diana, já que ambas treinaram a garota para ser a melhor das melhores, dando ensinamentos para Diana sobre como batalhar e como ser uma guerreira . Steve Trevor também tem um papel muito importante na historia da amazona, é ele quem traz a Mulher Maravilha para o mundo real.

Ares, o deus da guerra, é o principal vilão das histórias, Mulher Leopardo, Giganta e Doutora Veneno também entram nessa lista.

Entre os poderes da heroína temos imortalidade, super força, super velocidade, capacidade de voo e imunidade mágica. Além dos poderes, Diana Prince tem seu uniforme totalmente equipado. Braceletes indestrutíveis, o laço da verdade que faz o individuo que o tocar falar a verdade, escudo, espadas e lanças indestrutíveis.

 

A Mulher Maravilha logo se tornou um ícone para as mulheres de todas as idades. Transparecendo coragem, força e independência, Diana Prince fez com que crianças e mulheres tivessem autoconfiança e noção de sua capacidade. Em uma sociedade machista, Diana nos mostra que todas as mulheres podem sim ocupar os mesmos cargos dado aos homens e que devemos ter a força da Mulher Maravilha para passar por obstáculos, tanto preconceituosos quanto pessoais. Diana nos ensinou a procurar e lutar por igualdade junto com ela, e a mesma faz isso até hoje.

Em 2016, no seu aniversario de 75 anos, a Mulher Maravilha se tornou embaixadora da ONU por inspirar mulheres ao redor do mundo. Sua imagem será usada na campanha de igualdade de gêneros pela ONU.

 

 

Diana Prince ganhou sua própria serie no ano de 1975, sendo interpretada por Lynda Carter. A serie contava a historia da personagem durante a segunda guerra mundial mostrando também, como é sua vida em Themyscira. A série fez bastante sucesso, mas em 1979, chegou ao fim. A Mulher Maravilha teve dois outros projetos de serie, mas nenhuma das duas deu certo.

Em 2009, Diana ganhou um filme animado que contava com a personagem na sociedade atual. Tivemos a personagem, também, em todos os filmes animados da Liga da Justiça, grupo de heróis no qual Diana faz parte. Em 2016, foi lançado a serie animada Super Hero Girls, que conta com Prince em sua formação.

Em Julho de 2013, com a expansão do universo cinematográfico da DC, foi anunciado um filme solo da amazona. No final deste mesmo ano, a atriz israelense Gal Gadot foi anunciada como novo rosto da personagem. Em 2014, foi oficializado o filme solo de Prince e divulgado o nome da diretora, que seria Michelle MacLaren, porém passou para Patty Jenkins, que lutava por esse filme desde 2003. Em 2017, o filme da Maravilha finalmente chega aos cinemas, contando a história de origem de Diana e como a mesma veio parar entre nós. Gadot já havia dado vida a Diana no filme Batman vs Superman, roubando a cena para sua personagem. Prince já tem seu segundo filme confirmado e aparecerá ainda esse ano no filme da Liga da Justiça, dirigido por Zack Snyder.