Todos nós sabemos que Easter Eggs são legais. Coisas que passaram despercebidas, rapidamente, mas estavam ali, pedindo para serem vistas. Reunimos os Easter Eggs de Rogue One pra você, que piscou naquele momento tão crucial e deixou eles passarem em brancas nuvens.

Atenção! E esse “Atenção!” é muito sério! O filme estreou HOJE, e muita gente ainda não viu. Portanto, os spoilers serão INEVITÁVEIS. Se você não liga pra spoilers (como nós!), seja bem vindo a ler nossa matéria. Se você liga para spoilers (só lamentamos!), pare aqui e deixe pra ver a matéria DEPOIS de ver Rogue One. (Está esperando o que pra ir ao cinema?)

Preparados? Então vamos lá!

  • Doutor Cornelius Evazan e Ponda Baba

Vocês se lembram da ocasião em que Luke e Obi-Wan estavam na Cantina do Chalmun em Mos Eisley à procura de transporte para fora de Tatooine e dois indivíduos vieram encher o saco de Luke e Obi-Wan decepou o braço de um deles? Pois bem, aqueles eram o Dr. Cornelius Evazan e seu capanga, o aqualish Ponda Baba. (Sim, sabemos os nomes deles. Também sabemos o nome da cantina. É, somos nerds NESTE nível). Em Rogue One, lá estavam eles de novo, arrumando confusão, dessa vez com a Jyn Erso em Jedha. Nem precisa dizer que se deram mal!

  • Dejarik

Lembram que Chewbacca e R2-D2jogavam Dejarik à bordo da Millenium Falcon em Uma Nova Esperança? Pois bem, lá está o joguinho aparecendo em Rogue One, um pouco menos tecnológico que a versão com hologramas, jogado com miniaturas. (Lembrem-se: deixe o Wookiee vencer!)

  • Saw Gerrera

Vimos Saw Gerrera na série Clone Wars, lutando como um guerrilheiro contra os Separatistas em seu planeta natal Onderon, juntamente com sua irmã, Steela. Em Rogue One, Saw agora luta contra o Império, exibindo vários implantes, fruto dos muitos anos lutando contra a opressão, não importando que aparência ou bandeira ela tenha.

  • Wilhuf Tarkin

Claro que não poderia faltar o homem que simplesmente idealizou a Estrela da Morte. Mas esse é um easter egg que já era esperado. O que não esperávamos é o quão importante seria o papel de Tarkin em Rogue One. Mais importante ainda que Vader. Mais impressionante ainda é saber que Peter Cushing, o ator que interpretou Tarkin em Uma Nova Esperança, faleceu em 1994, e que o CGI usado para trazê-lo de volta no filme foi convincente o bastante para acreditarmos que era ele ali, vivo, interpretando seu emblemático personagem.

  • O duto de exaustão da Estrela da Morte

Por décadas, os fãs zombaram do Império por permitir que a Estrela da Morte tivesse uma falha tão óbvia em seu projeto, e que permitiu que os rebeldes a destruíssem ao disparar torpedos de próton pelo duto, que mede aproximadamente dois metros de diâmetro e está numa vala altamente protegida por canhões. E a razão dele existir não foi aquela desculpa esfarrapada que havia no antigo cânone, mas uma falha colocada deliberadamente por Galen Erso, pai da Jyn Erso, para que os rebeldes soubessem disso e pudessem se valer dela para destruir a super arma do Império.

  • Os Líderes Rebeldes

Com a ênfase que o filme dá à Aliança Rebelde, não seria surpresa aparecer aqueles que a idealizaram. Então, lá estavam Mon Mothma (Genevieve O’Reilly), que vimos também em Retorno de Jedi, mas não interpretada pela mesma atriz de Rogue One, mas sim pela talentosíssima atriz britânica Caroline Blakiston. Também vimos o Senador Bail Organa, pai adotivo da Leia, interpretado pelo grande Jimmi Smitts. Por fim, vimos o General Jan Dodonna, um dos maiores estrategistas que a Rebelião já teve. Em Uma Nova Esperança, nós o vimos lá, e naquele filme ele é interpretado por Alex McRindle.

  • O Castelo de Vader

Durante a pré produção de Uma Nova Esperança, George Lucas cogitou a ideia de que Vader teria um castelo e ele apareceria no filme. Então pediu ao lendário artista Ralph McQuarrie desenhar o dito cujo (o qual é o que aparece na imagem acima) e finalmente o vimos em Rogue One.

  • S.O.S – Tem um Louco À Solta no Espaço (Spaceballs)

Talvez a melhor paródia de Star Wars existente, Spaceballs influenciou tanto Rogue One que uma parte do roteiro da paródia, que é os vilões Espaçobobos passarem pelo campo de força que envolve o planeta Druidia a fim de roubarem sua atmosfera, ser bem semelhante aos Rebeldes precisarem passar pelo campo de força que envolve o planeta Scarif a fim de roubar os planos da Estrela da Morte dos arquivos da Inteligência do Império.

  • A Fantasma

Infelizmente não vemos ninguém da série Star Wars Rebels em Rogue One, mas certamente vemos bem rapidamente uma nave muito parecida com a Fantasma aparecer durante alguns segundos, num daqueles momentos “piscou-perdeu”. Entretanto, uma menção a uma General Syndulla em um intercom em Yavin IV, então é bem possível estar se referindo a ninguém menos que Hera Syndulla, a capitã da nave Fantasma.

  • O Sabre Negro

Na hora em que Jyn e Cassian estão procurando pelos planos da Estrela da Morte nos arquivos imperiais, eles mencionam algo chamado Sabre Negro. Possivelmente pode ser um nome código do Império, sem importância alguma, mas também pode ser uma referência ao sabre de luz de lâmina negra que apareceu em Clone Wars.

  • Tantive IV

Mas é claro que não poderia deixar de faltar a nave que está nas cenas iniciais de Uma Nova Esperança e nas cenas finais de Vingança dos Sith! E como se isso não fosse suficiente, lá está Princesa Leia, como era 39 anos atrás!

E aí, gostaram dos easter eggs? Se esquecemos algum detalhe, por favor, não deixe de nos dizer nos comentários! E que a Força esteja com vocês!